Tamyres Paulino - 06/02/2014 14h52
Vídeo mostra homem sendo executado com tiro na cabeça
Crime ocorreu em Belford Roxo, na Baixada Fluminense, em área de disputa entre traficantes e milicianos. Testemunhas afirmam que vítima era um ladrão, capturado por 'justiceiros' que agem naquela região

 

 

 
A ação de ‘justiceiros’ volta a chocar o país. Um vídeo divulgado pelo jornal carioca ‘Extra’ nesta quinta-feira mostra um homem sendo executado com um tiro na cabeça, em Belford Roxo, na Baixada Fluminense. A área em que o crime ocorreu, o bairro da Prata, vive uma disputa de território entre traficantes e milicianos. O crime ocorreu no último dia 23, na Estrada Plínio Casado, e, segundo investigações da Polícia Civil, o rapaz assassinado seria acusado de roubos a comerciantes e pedestres na região.
 
O vídeo tem imagens chocantes: sentado no asfalto, sem camisa, o rapaz é vigiado por um homem. Chega, então, uma motocicleta com outros dois homens. O garupa salta da motocicleta, saca uma pistola e dispara quatro vezes. Um dos tiros atinge a testa do rapaz sentado ao chão, que tomba morto imediatamente.
 
O corpo do homem executado naquele dia ainda está, sem identificação, no Instituto Médico-Legal de Nova Iguaçu, na Baixada Fluminense. A 54ª DP (Belford Roxo) investiga outro crime registrado no mesmo dia, quando foi encontrado um corpo em um local próximo da cena da execução. Não há, ainda, indícios  de conexão entre os dois casos.
De acordo com o ‘Extra’, testemunhas ouvidas em Belford Roxo indicam que os dois assassinados seriam ladrões. Um deles foi morto depois de desembarcar de um carro. O outro, que escapou, seria o rapaz que aparece sendo assassinado no vídeo. O jornal ouviu de uma testemunha que os homens tentaram invadir um ônibus e foram capturados pelos ‘justiceiros’.


Comentários: