Kaio Humberto - 14/12/2016 14h32
Capixaba é um dos 50 melhores professores do mundo
Wemerson da Silva Nogueira, da Escola Estadual Antônio dos Santos Neves, em Boa Esperança, está entre os finalistas do Global Teacher Prize, considerado o Prêmio Nobel da Educação
O professor Wemerson da Silva Nogueira, da Escola Estadual Antônio dos Santos Neves, localizada em Boa Esperança, está entre os 50 finalistas do Global Teacher Prize, considerado o Prêmio Nobel da Educação. Segundo a organização do prêmio, Wemerson foi escolhido entre milhares de candidatos de 179 países. Apenas 37 países estão representadas entre os finalistas. O vencedor será anunciado em março do ano que vem, em Dubai, e receberá US$ 1 milhão.
 
Wemerson já havia recebido, este ano, o Prêmio Educador Nota 10, que é entregue aos 10 melhores professores do Brasil.
Para o professor Wemerson foi uma grata surpresa a sua indicação. “Fiquei muito feliz com a notícia de estar entre os 50 finalistas. Esse ano foi muito especial para mim. Conquistei quatro prêmios importantes com os projetos que desenvolvi em sala de aula. Me sinto orgulhoso da profissão que escolhi e na qual estou colhendo bons frutos. Cada uma dessas premiações é muito importante para minha caminhada. Nunca imaginei que aos 26 anos e com cinco anos de atuação já pudesse conquistar tantos prêmios. É muito gratificante.”
 
A premiação Global Teacher Prize  premia professores que tenha alcançado excelentes resultados com projetos desenvolvidos em sala de aula e que resultaram na melhoria das notas ou frequência dos alunos na escola.
 
Os dez finalistas, que serão escolhidos dentre os 50 selecionados, ganharão um convite para participar do Global Education and Skills Forum 2017, em Dubai, no dia 19 de março de 2017. O vencedor da iniciativa ganhará um prêmio no valor de US$ 1 milhão concedido a um professor excepcional que tenha feito uma contribuição extraordinária para a profissão.


Gazeta Online
Comentários: