Redação - 12/01/2018 14h36 - Atualizado em 12/01/2018 14h39
Presa na PB por suspeita de furto de R$ 600 mil em joias no ES
Raquel Viana é suspeita de cometer o crime em Vila Velha e foi presa na Paraíba
A empregada doméstica Raquel Viana dos Santos, 25 anos, acusada de roubar R$ 600 mil do apartamento de uma secretária e de um representante comercial em Itapoã, Vila Velha, em novembro do ano passado, foi presa pela Polícia Civil na Paraíba na noite desta quinta-feira (11), na cidade de  de Mamanguape, a 52 km de João Pessoa.
 
Segundo informações da Polícia Civil, Raquel, que é paraibana, estava ostentando quantias em dinheiro incompatíveis com sua profissão. Na Paraíba, ela atuava como babá. 
 
A prisão
 
Raquel acabou sendo presa quando ela foi com amigos a um motel para comemorar o roubo. Ao pagar a conta, ela deixou R$ 100 de gorjeta. Os funcionários do motel desconfiaram e acionaram a Polícia Militar, que logo depois conseguiu abordar o carro em que a empregada estava. 
Dentro do veículo os policiais encontraram R$ 56.800 em dinheiro, joias e uma pistola. Raquel e seus acompanhantes foram levados para a delegacia para prestar esclarecimentos.
 
Na unidade, a Polícia Civil da Paraíba foi informada que havia um mandado de prisão por furto em aberto contra Raquel em Vila Velha, no ES. Aos investigadores, a acusada confessou que gastou a maior parte do dinheiro com carro e moto.


Redação Folha do ES
Comentários: