Folha do ES
Qui, 17 de Out

.Home     Colunistas     José Carlos Gambarini

O testamento


José Carlos Gambarini

José Carlos Gambarini

Ativista político, Radialista, Jornalista e Escritor

Ver todos os artigos

  09.junho.2019

Eu existi plenamente, de ser invejado. Aos 12 anos construí um rádio galena (dá um Google aí); aos 14, construí um radiotransmissor a válvula, aprendi com 'seu' Chicão Madureira... estiquei antena pelos postes da antiga rua 17, no IBC, e falei com radioamadores País afora.

Ganhei do desajuizado 'seu' Genézio, da Telest, um transformador de alta tensão, e alimentei com 3.000 Volts duas válvulas 813; falei com o mundo. Levei choque que deveria ter sido mortal, fatalidade que poupar-me-ia da ANGÚSTIA de hoje.

Aprendi telegrafia: manipulando código MORSE, num equipo que montei usando uma lata de sardinha como chassi, com apenas um transistor, um diodo e uma pilha, pratiquei boas ações pelas madrugadas, cumprindo o mister de um radioamador: ser solidário, repassar os QTCs, mensagens urgentes terrestres e de embarcações sob risco. Não dormia nos SOS (Save Our Souls: salve nossas almas). Três pontos, três traços, repetidos três vezes. Aprendi coordenadas, nem se imaginava GPS... Hoje tudo é fonado, é o "Mayday" repetido três vezes.

Antes, fui Escoteiro do 14º Grupo "Baden Powell", nome do general inglês que prezou pela instrução moral e cívica dos rapazes, e também do(a)s Lobinhos... Fui Líder da patrulha Águia. Lembram da sede dos Escoteiros, no porão do Zé Nanico, na rua Parecis, 32.

Entrei na Rádio Cachoeiro aos 16 anos, carteira assinada. Saí de lá recrutado pra instalação da Rádio Educadora de Afonso Cláudio, da qual prezei pra não ficar um dia sequer fora do ar, por seis anos. Voltei pra terrinha em 1988, pra Rádio Cachoeiro, decadente então.

Fui Correspondente do jornal A TRIBUNA, concorrendo com GARRUTH na GAZETA. Ganhava da Nassau salário que nem conseguia gastar no mês.... Era frequente eu publicar entrevistas com Roberto VALADÃO, então líder do MDB na Assembleia, detonando o governador biônico Eurico Resende, "o carnívoro", se lembram?

Atuei na Rádio Difusora AM, evangélica, por pouco tempo, coordenada pelo Erasmo Diório.

Na escassez, criei cães pra vender filhotes, e vendi tb picolés e sorvetes pelo IBC, idos de 1994, disputa entre Cabo Camata x Vitor Buaiz pelo Governo daí.

Aprendi Jornalismo na UNISINOS, a famosa faculdade de Jornalismo de São Lepoldo, na Grande Porto Alegre (RS): intercâmbio patrocinado pela Casa do Estudante do Paulinho "Bundinha".

Aprendi Direito com os doutores Jefferson Barboza Pereira e Patrice Lumumba Sabino. Adquiri raiva de dr. Humberto Viana e da privatização da FDCI pra sua família.

Fui discípulo de dr. João Madureira e dr. Senador Dirceu Cardoso.

Hoje, me realizo levando informação aqui de Brasília pros rádio-ouvintes do Interior do ES. Sou CREDENCIADO permanente na Câmara, Senado, STF e Palácio do Planalto. Recente, fui aprovado em concurso público do GDF.

Gozo da amizade do Vice-Presidente MOURÃO e dos 13 parlamentares capixabas aqui em BSB. Sou prestigiado na Cultura FM de Castelo por César Nemer e seu milhão e meio de ouvihtes aí no Sul. Dr. César é misto de irmão e Pai, um exemplo de ser humano e de empreendedor da Comunicação.

Não só plantei árvores, também construí com "apenas essas duas mãos e o sentimento do mundo" (parafraseando Drummond) a casa de meu filho Lênin: a erigi, escavando até terra firme, e virando concreto de madrugada; pior: exposto ao Sol dia a dia, insensatez, também pela qual hoje minha Saúde é cobrada, danos que poderão me privar de 2020, 2021...

Mas não estarei ausente daí, terrinha. Fachos de luz que recebo nas madrugadas me inspiram a ESCREVER. Incorrigível em minhas tantas imperfeições, Legado deixarei pro juízo de Vocês.

Comentários Facebook


Enquete


Você tem aprovado a forma de governar neste ano de 2019 do Presidente Jair Bolsonaro?

  Votar   Ver resultado

Facebook


Newsletter


Inscreva-se no boletim informativo da Folha do ES para obter suas atualizações e novidades semanais diretamente em seu e-mail.

© 2019 Folha do ES. Todos os direitos reservados.