Folha do ES
Qui, 28 de Mai
Cofril 02

.Home     Colunistas     Max Ladeira

A quem interessa privatizar o SAAE de Marataízes?


Max Ladeira

Max Ladeira

Max Ladeira é Cachoeirense e trabalhou boa parte da sua vida na imprensa do Rio. Palestrante, escritor, e declaradamente humanista, ele escreve sobre seu cotidiano, política e relacionamento em sua coluna. Radialista e jornalista.

Ver todos os artigos

  27.dezembro.2017

Isso já vem sendo deliberado há muito tempo e serve a interesses escusos de algo, ou alguém, e nem de longe passa pela vontade popular.

Marataízes pode estar perto de assistir uma das maiores jogadas políticas de todos os tempos, e, em meio a shows, festas, e o próprio carnaval, poderão acordar em Fevereiro com uma conta de água salgada, com uma empresa diferente cobrando pelo serviço, e com um belo diploma de otário pendurado na parede da sala. Tudo está acontecendo na surdina sem que ninguém perceba.

Essa privatização da água, diga-se de passagem, não trará qualquer benefício aos moradores, e é quase um "Déja vu" de uma tentativa anterior do governo de Itapemirim, mas que foi impedida por um povo que não se deixou enganar.

A coisa é tão descabida nessa história toda que o interesse da população até agora não foi levado em conta, e nem passou pela cabeça do governo municipal a criação de um plebiscito, para saber se o povo aprova ou não essa ideia, que com certeza não os beneficiará.

Em Cachoeiro, a Capital do Sul do Estado, a empresa que comandava até pouco tempo era a Odebrecht, aquela mesma citada em esquemas de propinas em todo Brasil, hoje a BRK AMBIENTAL, empresa que lhe sucedeu após os escândalos nacionais, segue sendo investigada pela Câmara da Cidade, e tanto a anterior, como a atual, é sabido de todos que serviu ou serve a interesses políticos, e, além de uma conta cara, um serviço pior ou parecido com o antigo SAAE, no final de tudo isso, quem pagou a conta mesmo foi a população de Cachoeiro.

A privatização da água em Marataízes não interessa ao povo, não melhora em nada o serviço, mas, serve para melhorar o caixa de muita gente por ai, que de bobo não tem nada.

Uma das coisas que aprendemos sobre a água potável é que ela deve ser inodora e transparente, muito diferente da Prefeitura e da Câmara de Marataízes onde de longe essa privatização cheira mal, e em nada é transparente. Mesmo assim acabará descendo goela abaixo de um povo desinteressado que curtirá as festas e shows nesse verão, enquanto eles, os políticos, trabalharão dia e noite para concretizarem seus planos para surpreendê-los após o carnaval.

Comentários Facebook


Enquete


Na sua opinião, quem está mentindo: Sérgio Moro ou Jair Bolsonaro?

  Votar   Ver resultado

Facebook


Newsletter


Inscreva-se no boletim informativo da Folha do ES para obter suas atualizações e novidades semanais diretamente em seu e-mail.

© 2020 Folha do ES. Todos os direitos reservados.