Folha do ES
Qua, 30 de Set

.Home     Colunistas     Usiel Carneiro de Souza

É HORA DE APRENDER A LIÇÃO


Usiel Carneiro de Souza

Usiel Carneiro de Souza

Usiel Carneiro de Souza Teólogo e Administrador de Empresas

Ver todos os artigos

  15.setembro.2020

“Certa ocasião, um perito na lei levantou-se para pôr Jesus à prova e lhe perguntou: Mestre, o que preciso fazer para herdar a vida eterna? O que está escrito na Lei?, respondeu Jesus. Como você a lê?” (Lucas 10.25-26)

Os Evangelhos nos colocam diante de vários diálogos de Jesus. Cada um deles muito especial e revelador. Ainda que fosse com um interlocutor confuso ou mesmo mal intencionado, como era o caso do perito na lei do texto de Lucas, Jesus tornava o diálogo revelação especial para conhecermos o Evangelho. Quando lemos as Escrituras temos a oportunidade de melhorar nossa compreensão da espiritualidade que devemos viver, da vontade de Deus para nós. E diante do assunto levantado por perito na Lei, este texto do capítulo 10 do Evangelho de Lucas revela-se um dos especiais. “O que preciso fazer para herdar a vida eterna?” Diante dessa pergunta é preciso parar, calar-se e dedicar atenção à resposta. Especialmente porque é dada por Jesus. Como um verdadeiro mestre, Jesus caminha com seu interlocutor. Elege o campo de conhecimento dele, a Lei, e pergunta: “O que está escrito na Lei?” E acrescenta: “Como você a lê?” Como cristãos, nosso texto de referência é a Bíblia, que contem a Lei conhecida pelo perito que conversou com Jesus e os demais textos certamente conhecidos por ele: os escritos e as profecias. Hoje temos mais: os Evangelhos, as cartas apostólicas e os livros que formam o conjunto de escritos do Novo Testamento. A pergunta feita a Jesus nos interessa e pode ser compreendida, entre outras, da seguinte forma: como devo viver para agradar a Deus e ser acolhido por Ele? Antes de responder, Jesus leva o homem a perceber que a resposta tem estado próxima a ele o tempo todo. Está na Lei que ele tanto conhecia. As Escrituras tem respostas para nós, assim como a Lei tinha para ele. Mas, como para ele, para nós importa grandemente o modo como a lemos. “Como você a lê?”, perguntou Jesus. Como temos lido as Escrituras? Com que olhos e com que pressupostos? Parece, pelas evidências que produzimos, que temos lido mal. Somos uma multidão de igrejas, pastores e cristãos lendo a mesma Bíblia, mas seguimos caminhos diferentes claramente opostos. Citamos as Escrituras uns contra os outros e pregamos mensagens que, comparadas, parecem ter sido inspiradas em livros diferentes e não na mesma Bíblia. Mas a pior evidência que produzimos é nossa falta de amor ao próximo. Nem sempre quem adora a Deus respeita o ser humano. Pedimos a proteção de Deus mas não protegemos os mais frágeis e nem percebemos o nosso dever de fazê-lo. Nossa leitura da Bíblia não vai bem, para dizer o mínimo. Como disse Beto Guedes em sua poesia, é possível saber de cor o texto, sem que se tenha aprendido a lição. E já passou da hora de aprendermos!

Comentários Facebook


Facebook


Newsletter


Inscreva-se no boletim informativo da Folha do ES para obter suas atualizações e novidades semanais diretamente em seu e-mail.

© 2020 Folha do ES. Todos os direitos reservados.