Depois de mais de 80 anos de espera, a norte-americana Virginia “Ginger” Hislop, finalmente, conquistou seu sonho: concluir o mestrado em educação pela Stanford Graduate School of Education, na Califórnia, nos Estados Unidos.

A idosa, hoje com 105 anos, ingressou na universidade em 1936. Seu plano era obter o bacharelado em educação, o que alcançou em 1940, e, em seguida, obter o mestrado para que pudesse lecionar.

Contudo, o sonho precisou ser interrompido. Antes de entregar a tese final, o então namorado de Virginia foi convocado para servir durante a Segunda Guerra Mundial. Diante da convocação, os dois se casaram e a mulher deixou a universidade antes de se formar.

“Agora – 83 anos depois de deixar o campus e viver ao serviço da aprendizagem – Virginia Hislop regressou a Stanford para terminar o que começou e receber o seu diploma de graduação”, escreveu a universidade em uma publicação nas redes sociais. De acordo com o texto, a mulher, hoje com 105 anos, foi muito aplaudida na cerimônia, inclusive pelos netos. “Esperei muito tempo por isto”, concluiu Virginia.