Pelo menos 7 mil famílias deverão ser contempladas com vale-gás no Espírito Santo a partir de 2024. Em publicação no X (antigo Twitter), nesta terça-feira (21), o governador Renato Casagrande (PSB) afirmou ter enviado a proposta de criação do benefício à Assembleia Legislativa.

O projeto prevê a concessão de um auxílio bimestral ou seja, será pago a cada dois meses no valor de R$ 100 e será destinado a famílias de extrema pobreza, cuja renda per capita seja igual ou inferior a R$ 218,00, com criança de até 6 anos, beneficiárias do Programa Bolsa Família e que não recebam o Auxílio Gás dos Brasileiros, do governo federal.

"Mais uma medida importante que estamos estabelecendo para aliviar o orçamento doméstico de quem mais precisa", disse Casagrande na postagem.