Folha do ES
Seg, 28 de Nov

Home   Estilo     Celebridades


Princesa Diana previu morte em acidente de carro em bilhete apavorante

Princesa Diana previu morte em acidente de carro em bilhete apavorante

O consultor legal de Diana participou de uma reunião a portas fechadas com a integrante da realeza e anotou o conteúdo da conversa. Entenda!

  Por Redação

  18.agosto.2022 às 20:00

Dois anos antes do acontecimento que tirou a vida da princesa Diana em 1997, Lady Di previu que ela morreria em um acidente de carro. Essa revelação irá ao ar na próxima série documental do Discovery+, The Diana Investigations, que, em quatro episódios, narra as investigações britânicas e francesas sobre a morte da princesa de Gales.

O portal Daily Beast obteve uma prévia do programa e conta que, em 30 de outubro de 1995, Victor Mishcon, consultor legal de Diana, participou de uma reunião a portas fechadas com a integrante da realeza e seu secretário pessoal, Patrick Jephson. Mishton anotou o conteúdo da conversa.

Segundo o bilhete escrito por ele, Lady Di queria falar “sobre algo que estava em sua cabeça”. Durante a reunião, Diana disse que “fontes confiáveis”, não reveladas por ela, informaram que, em abril de 1996, esforços seriam feitos para “se livrar dela” e “um acidente de carro seria encenado”. Ao que as anotações indicam, a ex-esposa do príncipe Charles terminaria “morta ou machucada de forma séria”.

Jornais princesa DianaJornais princesa Diana

Diana morreu em agosto de 1997, junto com seu parceiro, Dodi Al-Fayed, e seu motorista, Henri Paul

De acordo com os especialistas envolvidos na série, Mishcon entregou o bilhete para a polícia metropolitana de Londres após o acidente fatal, em 1997. O documento ficou sob posse do comissário na época, Paul Condon, que o guardou em um cofre. O conteúdo só veio a público depois que Condon deixou o posto e foi substituído por John Stevens.

“Eu estive com o Sr. Mishcon um mês antes de seu falecimento, por volta da primavera de 2005. Ele me atentou ao fato de que pensou na época que Diana estava paranoica, então, não deu tanta importância assim [as anotações]”, anunciou Stevens ao Daily Beast.

Diana morreu em agosto de 1997 junto ao parceiro, Dodi Al-Fayed, e seu motorista, Henri Paul, depois que ele bateu uma Mercedes em um pilar a 100 km/h no túnel Pont de l’Alma, em Paris. Paul estava sob a influência de álcool e drogas prescritas, mas também estava tentando se esquivar dos ??paparazzi, que os seguiam em motocicletas. O episódio completa 25 anos no dia 31 de agosto.


Fonte: Metrópoles

Comentários Facebook


Facebook


Newsletter


Inscreva-se no boletim informativo da Folha do ES para obter suas atualizações e novidades semanais diretamente em seu e-mail.

© 2022 Folha do ES. Todos os direitos reservados.