Folha do ES
Dom, 7 de Ago
32 ANOS DA FOLHA DO ES

Home   Estilo     Celebridades


Luva e Cristiano Ronaldo: empresário impediu campanha com os dois

Luva e Cristiano Ronaldo: empresário impediu campanha com os dois

A Unilever, terceira maior empresa de bens de consumo do mundo, tentou contratar o influenciador para uma publicidade da Clear Men

  Por Redação

  24.junho.2022 às 09:06

Quando tudo parece não ter como piorar, novas situações absurdas dos bastidores envolvendo o Luva de Pedreiro e seu ex-empresário Allan Jesus, são escancaradas à medida em que nomes do mercado e representantes de grandes marcas entram em contato para detalhar o quanto o influenciador foi literalmente impedido de prosperar. Para se ter ideia, descobrimos que o jovem baiano ainda perdeu um convite de uma multinacional para estrelar uma campanha com Cristiano Ronaldo.

A Unilever, terceira maior empresa de bens de consumo do mundo, tentou contratar o Luva de Pedreiro para uma campanha da Clear Men, o famoso shampoo do poderoso jogador do Manchester United. Mas bem como fez com a Nike, Allan Jesus também disse não para esse convite e deixou passar uma das maiores oportunidades que o Luva de Pedreiro poderia ter na vida.

“Era unânime no mercado a prepotência dele no trato com as marcas”, disse uma das fontes ouvidas pela coluna. Allan prometia para o jovem tiktoker que teria novidades, dizia que estava em negociações, mas a única que de fato se concretizou foi com a Amazon Prime Video.

A mesma fonte que nos trouxe essa informação, também garantiu que a oportunidade com a Unilever nao só renderia muito dinheiro ao jovem como a aprovação para o mercado, por se tratar de uma multinacional querendo investir na imagem dele.

Entre outras, a coluna também soube que Allan Souza, que diz ter faturado em torno de R$ 2 milhões com trabalhos executados por Luva, chegou a pedir mais de duas vezes esse valor pela ação. “Algo totalmente fora do contexto de mercado”, afirma a fonte ouvida neste espaço. Para muitos, se o Luva de Pedreiro tivesse sido bem gerenciado, teria sido uma “Juliette” em termos de faturamento.


Fonte: Metrópoles

Comentários Facebook


Facebook


Newsletter


Inscreva-se no boletim informativo da Folha do ES para obter suas atualizações e novidades semanais diretamente em seu e-mail.

© 2022 Folha do ES. Todos os direitos reservados.