Folha do ES
Ter, 18 de Mai
HECI

Home   Economia     Espírito Santo


Força tarefa do agro vai ajudar produtores com prejuízos da chuva de granizo no Espírito Santo

Força tarefa do agro vai ajudar produtores com prejuízos da chuva de granizo no Espírito Santo

  Por Raphael Gomes

  12.abril.2021 às 09:00

As recentes chuvas de granizo atingiram municípios do interior e em Vargem Alta o cenário é de devastação. Muitas propriedades foram completamente dizimadas nas culturas de café, abacate, banana e olericultura. O Sistema Faes / Senar-ES / Sindicatos Rurais está auxiliando no levantamento técnico dos prejuízos e já inscrevendo os atingidos para receberem a Assistência Técnica e Gerencial (ATeG).

O engenheiro Agrônomo e analista Técnico do Serviço Nacional de Aprendizagem Rural do Espírito Santo (Senar-ES), Murilo Pedroni, está em campo, junto com um representante do Sindicato Rural de Cachoeiro de Itapemirim e da secretaria municipal de agricultura de Vargem Alta, realizando assessoria técnica. O laudo que está sendo construído servirá para subsidiar a avaliação na busca de crédito nas instituições bancárias.

Na última segunda-feira (05), houve reunião com diversos órgãos do agro para iniciar as ações de avaliação de Vargem Alta e também outros municípios atingidos. O presidente da Federação da Agricultura e Pecuária do Espírito Santo (Faes), Júlio Rocha, e o presidente do Sindicato Rural de Cachoeiro de Itapemirim/Vargem Alta, Wesley Mendes, também vice-presidente da Faes, estiveram presentes.

Na ocasião, o secretário de Estado da Agricultura, Abastecimento, Aquicultura e Pesca (Seag), Paulo Foletto, anunciou a determinação do Governo Estadual em criar com recursos financeiros próprios uma linha de crédito especial a ser executada pelo Bandes, para atendimento emergencial aos produtores que tiveram prejuízos.

A Força Tarefa Emergencial do Agro Vargem Alta foi formada pois 80% dos danos das chuvas de granizo no Espírito Santo se concentram no município. “Percebemos que havia a necessidade de acelerar o levantamento de todas as perdas dos agricultores de Vargem Alta pois o cenário é desolador, muitos perderam até 100% de sua produção agropecuária e estão sem nenhuma expectativa de renda. Proprietários, meeiros e parceiros estão na mesma situação” destaca Wesley Mendes.

Participam da Força Tarefa junto com o Sistema Faes / Senar-ES e Sindicato Rural de Cachoeiro de Itapemirim/Vargem Alta o Instituto Capixaba de Pesquisa, Assistência Técnica e Extensão Rural (Incaper) e o Instituto de Defesa Agropecuária e Florestal do Espírito Santo (Idaf) sob a coordenação da Secretaria de Agricultura de Vargem Alta.

A Federação da Agricultura capixaba pede aos Sindicatos Rurais que avaliem a situação dos produtores nas demais regiões e façam contato para solicitar avaliação técnica também. Contato pelos telefones: (27) 3185-9227 | (27) 99932-3575.


Fonte: CNA Brasil

Comentários Facebook


Facebook


Newsletter


Inscreva-se no boletim informativo da Folha do ES para obter suas atualizações e novidades semanais diretamente em seu e-mail.

© 2021 Folha do ES. Todos os direitos reservados.