Folha do ES
Dom, 25 de Out

Home   Geral     Brasil


Família vende tudo, compra casa no litoral de SP e quando chega ao local descobre que era um golpe

Família vende tudo, compra casa no litoral de SP e quando chega ao local descobre que era um golpe

Casal vendeu carro, casa e largou emprego para ir morar em Itanhém, litoral sul de São Paulo.

  Por João Paulo Rosa

  28.setembro.2020 às 11:58

A vendedora Rilavia Soares, de 53 anos, e o comerciante Enivaldo Braz, de 50, moravam na cidade de Iperó, interior de São Paulo. Eles venderam a residência, um veículo e largaram o emprego para morar em uma casa que haviam comprado na cidade de Itanhaém, no litoral de São Paulo.

O drama da família começou quando eles chegaram com caminhão de mudança na suposta casa nova. No local, descobriram que a casa tinha dono e que tinham caído em um golpe de falsos corretores. O objetivo do casal era comprar uma residência grande, com espaço para comércio e alugar quartos para turistas.

Rilavia contou todos os detalhes em entrevista ao G1. A mulher disse que procurou anúncios pela internet e selecionou quatro casas que estavam sendo vendidas em Itanhaém. Uma delas, no bairro Cibratel, estava sendo vendida por R$ 90 mil. Rilavia conversou com a suposta corretora.

Preço da casa abaixo e negócio foi fechado

De acordo Rilavia, a corretora entrou novamente em contato e o valor da casa foi diminuído de R$ 90 mil para R$ 75 mil. “Ela me mandava bom dia todos os dias, era sempre muito educada. Sabe aquela pessoa que estava te conquistando?”, afirmou Rilavia.

Segundo ela, a corretora entrava em contato todos os dias e insistia para que o casal conhecesse o local. E eles conheceram. De acordo com Rilavia, chamou a atenção na visita que uma das portas estava arrombada. A mulher questionou, mas o suposto proprietário alugava espaço para festas e um grupo de jovem havia quebrado a estrutura. No final de tudo, o negócio foi fechado por R$ 55 mil.

A casa em questão estava mesmo à venda, mas o valor era bem maior do que o pago por Rilavia, custava R$ 160 mil.


Fonte: 1 news

Comentários Facebook


Facebook


Newsletter


Inscreva-se no boletim informativo da Folha do ES para obter suas atualizações e novidades semanais diretamente em seu e-mail.

© 2020 Folha do ES. Todos os direitos reservados.