Folha do ES
Ter, 26 de Out
HECI

Home   Geral     Brasil


Tempo vira, e ventania suspende a circulação de trens e fecha ponte

Tempo vira, e ventania suspende a circulação de trens e fecha ponte

Supervia interrompeu a operação por segurança. Ponte ficou fechada por 20 minutos. Também houve relatos de falta de energia em alguns bairros. Capital entrou em estágio de mobilização.

  Por Keila Brito

  21.setembro.2021 às 16:09Atualizado em 21.setembro.2021 às 17:29

A mudança no tempo chegou com uma forte ventania e provocou transtornos no Grande Rio na tarde desta terça-feira (21). Às 15h20, a capital entrou em estágio de mobilização – o segundo nível em uma escala de cinco, o que aponta riscos de ocorrências de alto impacto à cidade.

"Pessoal, uma forte ventania está atingindo diversas regiões central da cidade. Quem puder, evite deslocamento, por precaução. As equipes da prefeitura já estão a postos para atender ocorrências", escreveu o prefeito Eduardo Paes em suas redes sociais.

Resumo:

  • ventos de até 77,8 km/h (no Forte de Copacabana)
  • trens da Supervia foram suspensos (confira os ramais abaixo)
  • Ponte Rio-Niterói fechada por quase 20 minutos (das 14h40 às 15h)
  • árvores caídas (lista abaixo)
  • queda de energia em alguns bairros (lista abaixo)
  • aeroportos abertos

    Trens parados

    A circulação de trens da SuperVia foi suspensa temporariamente nos ramais Japeri, Santa Cruz (interligado ao Deodoro), Belford Roxo e Saracuruna e nas extensões Paracambi, Vila Inhomirim e Guapimirim.

    Ponte fecha por 20 minutos

Ponte Rio-Niterói fechada devido à ventania no Rio nesta terça-feira (21) — Foto: Ecoponte/Reprodução

Ponte Rio-Niterói fechada devido à ventania no Rio nesta terça-feira (21) — Foto: Reprodução

Por precaução, a Ponte Rio-Niterói também foi interditada, das 14h40 às 15h. A reabertura foi feita com auxílio de caminhões para reduzirem a velocidade do tráfego.

Uma equipe de reportagem do g1 passava pela ponte e também ficou presa no tráfego. Motoristas saíram dos carros durante o fechamento.

Queda de árvores

Houve registo de quedas de árvore nos seguintes locais:

  • Autoestrada Grajaú-Jacarepaguá, na altura do km 2, sentido Zona Oeste;
  • Avenida Dom Hélder Câmara, em Del Castilho, na altura do nº 4497;
  • Rua Álvaro Ramos, em Botafogo
  • Rua Leopoldo Bulhões interditada no sentido Bonsucesso, altura do nº 31;
  • Rua Capitão Salomão, no Humaitá
  • Rua Luiz Gama, no Maracanã;
  • Rua Santa Luzia, no Maracanã;
  • Rua Moura Brito, na altura do nº 64;
  • Avenida Rui Barbosa, altura do nº 500;
  • Rua Prefeito Olímpio de Melo.


Árvore atingiu carro na Rua Capitão Salomao — Foto: Amanda Kestelman/ge

Árvore atingiu carro na Rua Capitão Salomao — Foto: reprodução.


Árvore interrompe trânsito na Avenida Rui Barbosa, no Flamengo — Foto: Pablo dos Anjos/Arquivo pessoal

Árvore interrompe trânsito na Avenida Rui Barbosa, no Flamengo — Foto:reprodução.


Falta de energia

Também houve relatos de falta de energia. Segundo a Light, equipes trabalhavam para restabelecer a energia na Tijuca, Zona Norte do Rio.


Vento derruba árvore na Rua Álvaro Ramos, em Botafogo — Foto: Eduardo Pierre/g1

Vento derruba árvore na Rua Álvaro Ramos, em Botafogo — Foto: reprodução.


Mudança de tempo

Segundo o Climatempo, os ventos e a mudança no tempo estão associados a passagem de uma frente fria e a presença de um ciclone na costa brasileira.

Segundo o AlertaRio, houve registro de rajada de vento forte no Forte de Copacabana (77,8 km/h); na Base Aérea de Santa Cruz (57,4 km/h), no Aeroporto do Galeão (68,5 km/h) e no Aeroporto Santos Dumont (64,8 ,km/h).

A terça-feira (21) começou com sol com previsão de calor de até 35ºC na capital. Há risco de chuvas isoladas em todo o estado.

Também há alerta de ressaca, de acordo com a Marinha do Brasil. Ondas de até 3,5 metros de altura podem atingir a orla do município do Rio até as 21h de quinta-feira (23).

Na quarta-feira (22), primeiro dia da primavera, o céu fica mais encoberto, as temperaturas diminuem e a chuva se espalha por mais áreas do estado do Rio, podendo vir a qualquer hora do dia. A tendência é que as instabilidades percam força sobre o estado a partir da quinta-feira (23).


Trânsito na Ponte Rio-Niterói é interrompido por causa de vendaval — Foto: Carlos Brito/g1

Trânsito na Ponte Rio-Niterói é interrompido por causa de vendaval — Foto: reprodução.



Fonte: G1

Comentários Facebook


Facebook


Newsletter


Inscreva-se no boletim informativo da Folha do ES para obter suas atualizações e novidades semanais diretamente em seu e-mail.

© 2021 Folha do ES. Todos os direitos reservados.