Folha do ES
Seg, 16 de Set

Home   Polícia     Brasil


Idosa é velada por 8 horas e levada de volta ao hospital

Idosa é velada por 8 horas e levada de volta ao hospital

A família sentiu que o corpo dela estava quente e teriam sentido batimentos cardíacos

  Por Redação

  24.agosto.2019 às 15:47

Polícia Civil de Bagé (RS) investiga, desde a última quinta-feira (22/08/2019), o caso de uma idosa que foi velada em um cemitério da cidade por cerca de 8 horas e, depois, levada de volta ao hospital porque a família acreditou que ela estava viva. Segundo os familiares, Rosaura Vaz, 80 anos, ainda estava quente e, por isso, solicitaram um médico no local.

O profissional tentou acalmar os familiares e solicitou que o corpo voltasse para a Santa Casa de Bagé. No entanto, novos exames atestaram o óbito. Em nota, o hospital disse que equipamentos “confirmaram a ausência de vida na presença de outros profissionais da saúde e familiares”.

O cadáver da idosa foi levado de volta para o cemitério e sepultado. Em entrevista ao GaúchaZH, o delegado Luis Eduardo Benites, que cuida do caso, pediu à Santa Casa a ficha de atendimento médico da Rosaura, mas não foi atendido. O documento será usado para saber se a mulher estava morta.

Em depoimento, familiares contaram o que aconteceu. “Sentiram o corpo quente dela e alguém aferiu a pressão, percebendo supostamente batimentos cardíacos. Tudo é muito confuso no que os eles falam. Depois da morte, algumas pessoas têm espasmos e pode ser isso que ocorreu. Quem vai dizer é o médico legista”, disse o delegado. A investigação segue em curso.


Fonte: metropoles.com

Comentários Facebook


Facebook


Newsletter


Inscreva-se no boletim informativo da Folha do ES para obter suas atualizações e novidades semanais diretamente em seu e-mail.

© 2019 Folha do ES. Todos os direitos reservados.