Folha do ES
Qui, 9 de Jul
Cofril 02

Home   Polícia     Brasil


Mãe e filha matam catador que se recusou a doar R$ 2

Mãe e filha matam catador que se recusou a doar R$ 2

Crime ocorreu em novembro do ano passado, mas suspeitas só foram presas nessa quarta-feira (24)

  Por João Machado

  25.junho.2020 às 17:31

Mãe e filha foram presas pela Polícia Civil de Goiás (PCGO) acusadas de assassinar o catador de recicláveis Carlos Alberto de Araújo, de 53 anos, após ele ter se recusado a doar R$ 2 para as suspeitas. O homicídio ocorreu em Valparaíso (GO), no Entorno do Distrito Federal.

O crime aconteceu em novembro do ano passado, mas as autoras só tiveram mandado de prisão preventiva decretado pela Justiça nesta semana. A dupla foi presa nessa quarta-feira (24).

De acordo com o Grupo de Investigação de Homicídios (GIH), as duas agrediram a vítima até a morte. Mãe e filha moravam no mesmo bairro que o catador e, no dia do fato, o abordaram pedindo que ele desse R$ 2.

A vítima não entregou o dinheiro e afirmou às mulheres que não o faria porque sabia que elas comprariam drogas. Foi quando elas decidiram agredir o catador.

O homem recebeu socos, chutes e foi golpeado, inclusive, com a própria bicicleta. Ele chegou a ser internado no hospital, mas não resistiu e morreu em fevereiro deste ano.


Fonte: Metrópoles - Victor Fuzeira

Comentários Facebook


Facebook


Newsletter


Inscreva-se no boletim informativo da Folha do ES para obter suas atualizações e novidades semanais diretamente em seu e-mail.

© 2020 Folha do ES. Todos os direitos reservados.