Folha do ES
Dom, 19 de Set
Receitas

Home   Polícia     Espírito Santo


Criminosos se passam por entregadores e atiram contra moradores em Vitória

Criminosos se passam por entregadores e atiram contra moradores em Vitória

Morador encheu as mãos com balas disparadas durante a madrugada e a manhã desta quarta-feira (15) no bairro Nova Palestina.

  Por Murilo costa

  15.setembro.2021 às 10:37Atualizado em 15.setembro.2021 às 10:45

Mais um tiroteio foi registrado no bairro Nova Palestina, em Vitória, na madrugada desta quarta-feira (15). De acordo com moradores, criminosos chegaram de moto e se passaram por entregadores.

"Depois das motos olha os tiros, olha o tanto de tiro. Deita no chão crianças. Pelo amor de Deus", diz uma moradora em áudio que a reportagem teve acesso.

Várias casas foram atingidas e na manhã desta quarta um morador encheu a mão com as balas disparadas pelos atiradores.

"Sou moradora do bairro há 24 anos. Não temos sossego para dormir e nem sentar na calçada. Estamos reféns dentro de casa. Cadê o policiamento que não tem? Estamos abandonados. Dormindo no chão com medo das balas", contou uma moradora que pediu para não ser identificada.

Segundo os moradores, foram três tiroteios de madrugada até a manhã desta quarta. O último foi por volta das 6h30, horário de entrada das crianças na escola do bairro.

Casa atingida por disparo feito por criminosos em Nova Palestina — Foto: Reprodução/TV Gazeta

Casa atingida por disparo feito por criminosos em Nova Palestina — Foto: Reprodução/TV Gazeta

Para os moradores, o esquema de segurança montado pela Polícia Militar não está sendo suficiente para conter os ataques de traficantes.

Como Nova Palestina se tornou uma região de conflito, os moradores pedem uma base da polícia no bairro. A violência na região motivou um protesto na segunda (13).

Criminosos ostentando armas e ameaçando rivais

Criminosos ostentando armas e ameaçando rivais

Vídeo que a reportagem teve acesso mostra traficantes ostentando armas de guerra no alto do Morro da Conquista durante o dia.

A reportagem procurou a PM, mas ainda não teve retorno.

Sobre a segurança no bairro, o prefeito de Vitória, Lorenzo Pazolini (Republicanos), disse que a Guarda Municipal está nas ruas e atuando em várias frentes.

"A Guarda está presente nas ruas. Criamos um setor de inteligência da Guarda, a ronda ostensiva municipal e o número de prisões aumenta. Infelizmente o mês de agosto foi atípico e houve um acirramento da disputa pelo território das quadrilhas e isso levou a essa situação um pouco mais difícil", disse.

Ainda de acordo com ele, a prefeitura continua atuando também nas áreas social e educacional e com a integração das forças policiais.


Fonte: G1 ES

Comentários Facebook


Facebook


Newsletter


Inscreva-se no boletim informativo da Folha do ES para obter suas atualizações e novidades semanais diretamente em seu e-mail.

© 2021 Folha do ES. Todos os direitos reservados.