Folha do ES
Qua, 8 de Abr
HECI Páscoa

Home   Política     ELEIÇÕES 2020


Efeito PSL força outros partidos se manifestarem

Efeito PSL força outros partidos se manifestarem

EM SÍNTESE

  Por Redação

  19.março.2020 às 14:40Atualizado em 19.março.2020 às 14:58

Com a mudança de direção do PSL no Espírito Santo e a debandada dos filiados e pré-candidatos sem garantia da manutenção de seus nomes, outros líderes estão se pronunciando para tranquilizar as comissões e diretórios municipais.

Em Cachoeiro de Itapemirim-ES, PP, PSD e PMN que tem proximidade com o Governo do Estado, por exemplo, emitiram nota que as pré-candidaturas a prefeito são inegociáveis em todos os Municípios do Espírito Santo.

O medo das decisões verticalizadas causa mais pânico com a proximidade da chamada janela partidária que se fecha no dia 4 de abril para mudança de partido e filiações partidárias.

Presidente do PSD, Neucimar Fraga, garante que é "irretirável" a pré-candidatura de Renata Fiorio e das demais no Estado. Marcos Vicente, presidente estadual do PP também disse que a advogada Fayda Belo só não será pré-candidata se ela não quiser. A presidente do PMN, deputada Janete de Sá emitiu nota no mesmo sentido, garantindo a autonomia do partido em Cachoeiro de Itapemirim que tem Bruno Ramos como pré-candidato a prefeito.

Até o MDB, que está sob intervenção no ES, garante que a Comissão Interventiva vai promover os encaminhamentos das decisões eleitorais acerca de filiações e coligações, dando garantia sobre a segurança administrativa e jurídica aos seus projetos para as eleições de 2020.


Fonte: folhadoes.com

Comentários Facebook


Facebook


Newsletter


Inscreva-se no boletim informativo da Folha do ES para obter suas atualizações e novidades semanais diretamente em seu e-mail.

© 2020 Folha do ES. Todos os direitos reservados.