Folha do ES
Dom, 25 de Jul
Receitas

Home   Saúde     Espírito Santo


Trabalhadores da assistência social e do Conselho Tutelar começam a ser vacinados

Trabalhadores da assistência social e do Conselho Tutelar começam a ser vacinados

  Por Kimberlly Soares

  10.junho.2021 às 14:56

O Espírito Santo dá mais um passo importante para a imunização dos trabalhadores capixabas. Em pactuação entre Estado e municípios, por meio da Comissão Intergestores Bipartite, o Governo do Estado incluiu os trabalhadores do Sistema Único de Assistência Social (SUAS) e do Conselho Tutelar ao Plano Operacional da Estratégia de Vacinação contra o novo Coronavírus (Covid-19) do Espírito Santo.

Em ato simbólico realizado na manhã desta quinta-feira (10), no Palácio Anchieta, o governador Renato Casagrande recebeu trabalhadores das duas categorias para o início da vacinação. O Estado conta com aproximadamente 9.500 trabalhadores do SUAS e 600 integrantes dos Conselhos Tutelares. No entanto, o número de pessoas a serem vacinadas pode ser menor, uma vez que há trabalhadores que iniciaram sua imunização por pertencerem a grupos prioritários já contemplados pela Campanha.

Em sua fala, o governador lembrou que, a exemplo de outras categorias profissionais, os trabalhadores da Assistência Social e pertencentes a Conselhos Tutelares não pararam as atividades durante a pandemia. “Esse ato de vacinação simboliza justamente quem mais está exposto. São profissionais que trabalham permanentemente atendendo as pessoas de maior vulnerabilidade. Em momentos de crise, quem mais sofre são os mais pobres e tomamos uma série de medidas para amenizar esse sofrimento, como a liberação do Cartão ES Solidário, a entrega de cestas básicas e cestas verdes, além da antecipação do repasse do Fundo da Assistência Social aos municípios”, listou.

Casagrande prosseguiu: “Pedimos aos municípios que estão com reserva de doses, para iniciar a vacinação destes profissionais ainda nesta semana e naqueles que não tem, iniciaremos na próxima semana com a chegada de novas doses. Com essa estratégia de vacinar as categorias mais expostas, estamos tentando impedir que novas ondas cheguem ao nosso Estado.”

A Secretaria de Trabalho, Assistência e Desenvolvimento Social (Setades) já está em contato com os municípios para fazer o levantamento atualizado de quantos trabalhadores ainda não foram vacinados. A titular da pasta, Cyntia Figueira Grillo, ressaltou a importância da categoria estar contemplada nesta fase da Campanha de imunização.

“São trabalhadores que, assim como os da saúde, da segurança pública e da educação, são considerados provedores de serviços essenciais. Exercem atividades de intenso contato com o público, uma vez que a proteção social abrange desde a entrega de benefícios, como cestas básicas e outros auxílios que precisam ser entregues diretamente aos cidadãos, até o atendimento a crianças, adolescentes e idosos em casas de acolhimento, a abordagem e encaminhamento da população de rua e os serviços oferecidos dentro dos CRAS e CREAS em todo o Estado. Assim, é fundamental que esses trabalhadores estejam devidamente vacinados e protegidos”, destacou a secretária de Estado.

Cyntia Figueira Grillo enfatizou a articulação feita pelo Governo do Estado para que essa ação fosse possível. “Considero fundamental ressaltar o compromisso e a dedicação dos trabalhadores da rede de proteção social do Espírito Santo. A eles dedicamos o mais profundo agradecimento. Também cabe frisar o empenho do governador e do secretário da Saúde em garantir a imunização desses trabalhadores. Foi necessário um esforço conjunto para superar muitas dificuldades e conseguir incluir os trabalhadores do SUAS e dos Conselhos Tutelares. Poucos estados no País estão com esse olhar”, comentou.

O secretário de Estado da Saúde, Nésio Fernandes, também participou do ato simbólico. Ele parabenizou todos os trabalhadores que estarão sendo vacinados. “As vacinas estão chegando e logo após a distribuição, todos serão vacinados no seu território. Fazemos parte de um governo que se preocupa com vidas e com a transparência de suas ações. Hoje estamos garantindo a vacina para uma categoria de profissionais importante para o cidadão que precisa dos serviços de assistência social em todos os municípios”, destacou.

Também estiveram presentes no ato simbólico, a subsecretária de Estado de Assistência e Desenvolvimento Social, Sandra Shirley Almeida, que preside o Conselho Estadual de Assistência Social (CEAS/ES); a presidente do Colegiado Estadual de Gestores Municipais de Assistência Social do Espírito Santo (Coegemas-ES), Marinalva Broedel; o secretário de Assistência Social de Santa Leopoldina, José Ronildo; e a subsecretária de Assistência Social de Piúma, Caroline Maroquio.


Fonte: Hoje ES

Comentários Facebook


Facebook


Newsletter


Inscreva-se no boletim informativo da Folha do ES para obter suas atualizações e novidades semanais diretamente em seu e-mail.

© 2021 Folha do ES. Todos os direitos reservados.