Folha do ES
Dom, 7 de Ago
32 ANOS DA FOLHA DO ES

Home   Estilo     Entretenimento


Pocah é internada por segurar peido na frente do namorado; entenda por que isso pode acontecer

Pocah é internada por segurar peido na frente do namorado; entenda por que isso pode acontecer

  Por Redação

  15.março.2022 às 17:12Atualizado em 17.maio.2022 às 22:22

Em desabafo nas redes sociais, a cantora Pocah, participante do BBB21, contou que foi parar em um hospital, na segunda-feira (15/3), por ter evitado soltar gases na frente do namorado. Segundo ela, o diagnóstico foi de “peido preso”.

Pocah relatou que comeu mais do que o habitual em um lanche com amigos no domingo (14/3) e, ao voltar para casa, deitou no colo do namorado. Neste momento, começou a sentir gases, mas ficou constrangida de liberá-los em frente ao companheiro e foi dormir.

De manhã, acordou sentindo fortes dores no estômago e buscou ajuda médica. “Acordei com uma dor bizarra, surreal, não conseguia ficar em pé, apenas curvada. Pensei que era cálculo renal, apendicite, hérnia umbilical que eu já tenho. Fiz uma série de exames e era o que? Peido preso”, relatou Pocah, em um stories do Instagram.

No hospital, Pocah recebeu um analgésico na veia e, depois isso, voltou para casa.

As dificuldades de digestão podem levar a dores de estômago, inchaço na barriga e produção excessiva de gases. Os gases são constantemente produzidos e naturalmente eliminados, mas, quando há o consumo de alimentos que causam gases e prisão de ventre ao mesmo tempo, pode ocorrer o acúmulo deles no intestino, deixando a barriga dura e inchada.

Algumas dicas para aliviar os gases de maneira rápida são pressionar o abdômen, fazendo uma massagem circular na direção de cima para baixo, tomar um suco ou chá laxantes ou um remédio de farmácia que colabore para a digestão como, por exemplo, o luftal.


Fonte: Folha do ES

Comentários Facebook


Facebook


Newsletter


Inscreva-se no boletim informativo da Folha do ES para obter suas atualizações e novidades semanais diretamente em seu e-mail.

© 2022 Folha do ES. Todos os direitos reservados.