Folha do ES
Dom, 7 de Ago
32 ANOS DA FOLHA DO ES

Home   Estilo     Moda


Conheça a Lisoterapia, procedimento que alisa o cabelo sem o uso de formol

Conheça a Lisoterapia, procedimento que alisa o cabelo sem o uso de formol

Especialistas em cabelos do Salão Lisoterapia em São Paulo, desenvolveram uma técnica que consegue unir produtos testados e aprovados pela ANVISA e, ao mesmo tempo, deixar o cabelo liso, brilhoso e sedoso.

  Por Redação

  04.maio.2022 às 11:21

Alisar o cabelo nem sempre é uma tarefa fácil para uma mulher. Por conta de procedimentos severos e que se utilizam de produtos que contém formol, muitos alisamentos podem causar danos aos fios, como a perda de movimento, quebra das hastes e pontas mais ralas. Além, é claro, de graves problemas de saúde que podem acontecer por conta da inalação da substância química, pois o formol é cancerígeno e mutagênico.

Indo contra estes pontos, especialistas em cabelos do Salão Lisoterapia em São Paulo, desenvolveram uma técnica que consegue unir produtos testados e aprovados pela ANVISA e, ao mesmo tempo, deixar o cabelo liso, brilhoso, sedoso e com movimento por conta das etapas de diferentes execuções.


Cabelo com Lisoterapia (Foto: Reprodução/Instagram)


Cada etapa do alisamento possui uma maneira correta de ser executada e o conjunto dessas etapas bem executadas são o resultado do nosso procedimento, que além de exclusivo é registrado por nós. Por isso que é importante saber que a verdadeira lisoterapia é somente aqui, pois infelizmente existem muitos usando o nome da nossa técnica que é exclusiva, desenvolvida e registrada por nós. explica Edson Pereira, CEO do Lisoterapia.

Publicidade

Se não tem formol, como que alisa?

Essa é uma das perguntas que mais respondemos por aqui. E, é compreensível que as clientes tenham essa dúvida por serem leigas no assunto. Mas existem vários tipos de ativos alisantes no mercado que são liberados pela Anvisa e que não possuem formol em sua composição. O mercado vai se atualizando e o formol além de ser proibido, já é coisa do passado. Hoje em dia ninguém mais merece sofrer com as fumaças, ardência nos olhos e os danos do formol para alisar os cabelos”, responde Edson Pereira.


Cabelo com Lisoterapia (Foto: Reprodução/Instagram)


O formol pode causar intoxicação, bloqueio nas vias aéreas ou até mesmo um mal súbito como já aconteceu e outros lugares, infelizmente. A principal característica da Lisoterapia é fazer um procedimento que vai proporcionar um melhor resultado sem pôr em risco a saúde de todos no ambiente”, reforça Edson Pereira.


Cabelo com Lisoterapia (Foto: Reprodução/Instagram)


O alisamento com formol cria uma ponte metilênica (capa plástica) em volta dos fios. Isso proporciona um cabelo sem movimento, enrijecido e que dificulta a penetração de nutrientes”.

Além disso, Edson pondera que, diferente das progressivas com formol, a Lisoterapia não cria essa capa plástica em volta dos fios. De acordo com ele, isso se dá a uma ação que age diretamente nas ligações de enxofre do cabelo, fazendo com que o os fios sejam alisados de dentro para fora, permitindo que as clientes saiam do salão com o produto enxaguado dos seus cabelos, podendo lavar e prender o mesmo no dia que quiserem.


Fonte: Lorena

Comentários Facebook


Enquete


Você é a favor ou contra o passaporte de vacina obrigatório?

  Votar   Ver resultado

Facebook


Newsletter


Inscreva-se no boletim informativo da Folha do ES para obter suas atualizações e novidades semanais diretamente em seu e-mail.

© 2022 Folha do ES. Todos os direitos reservados.