Folha do ES
Ter, 14 de Jul
Rádio Cidade

Home   Economia     Brasil


Saque emergencial do FGTS começa em 5 dias

Saque emergencial do FGTS começa em 5 dias

  Por Yasmin Silva

  10.junho.2020 às 17:30

O saque emergencial do FGTS foi liberado através de medida provisória (MP) e vai começar a ser liberado em 15 de junho. Os pagamentos, que chegarão a até R$1.045, serão feitos até 31 de dezembro de 2020. No total 60 milhões de trabalhadores poderão sacar.

Se você quer entender como vai funcionar, e quais são as últimas novidades sobre o Fundo de Garantia, acompanhe!

Saque do FGTS será limitado pela Caixa

A Caixa vai limitar o saque do FGTS em virtude dos crescentes casos de COVID-19 na população brasileira, a fim de evitar as filas nas agências do banco, e também possivelmente para evitar a escassez de dinheiro. Os trabalhadores beneficiários do saque do FGTS emergencial terão que esperar alguns dias para poder retirar o dinheiro em espécie. Entretanto, ainda será possível usar o valor para pagar boletos e fazer compras com o débito virtual.

Saque do FGTS liberado em conta poupança social digital da Caixa

Os trabalhadores elegíveis para fazer o saque emergencial do FGTS (Fundo de Garantia do Tempo de Serviço) vão receber o valor de até R$ 1.045 em contas digitais da Caixa. Esta é uma informação confirmada pela própria Caixa Econômica Federal.

Dessa forma a Caixa pretende reduzir o número de pessoas indo até as agências bancárias, além de garantir que o dinheiro do Fundo de Garantia (FGTS) chegue integralmente aos trabalhadores.


Perguntas e respostas

Quem pode, sacar o FGTS emergencial?

– Aqueles com contas ativas (emprego atual), ou contas inativas (emprego antigo) com saldo disponível.

Qual o valor será sacado de FGTS?

O limite é de até R$ 1.045,00 por trabalhador em 2020.

Sai quando o saque emergencial do FGTS?

O saque está previsto para ser liberado a partir do dia 15 de junho, a todos os trabalhadores que possuem contas vinculadas ao FGTS.

Já tem calendário de saque do FGTS 2020?

Ainda não tem um cronograma divulgado oficialmente, a escala deve seguir, a ordem do mês de nascimento do trabalhador.

Para não ocorrer filas, e aglomerações nas agências, todos os trabalhadores receberão o dinheiro via poupança social digital, que permite movimentações pelo aplicativo Caixa Tem.

Economia se recuperando

Serão injetados cerca de R$ 36,2 bilhões na economia do país, beneficiando 60,8 milhões de pessoas. Segundo o presidente da Caixa, os depósitos seguirão os moldes do auxílio emergencial, com o crédito via poupança social digital da Caixa.


Fonte: Jornal Contábil

Comentários Facebook


Facebook


Newsletter


Inscreva-se no boletim informativo da Folha do ES para obter suas atualizações e novidades semanais diretamente em seu e-mail.

© 2020 Folha do ES. Todos os direitos reservados.