Folha do ES
Sex, 30 de Out
Pesquisa Cachoeiro

Home   Esporte     Espírito Santo


Nadadores capixabas disputam campeonato interestadual em Pernambuco

Nadadores capixabas disputam campeonato interestadual em Pernambuco

  Por João Machado

  18.setembro.2020 às 15:05

Os nadadores contemplados pelo programa Bolsa Atleta, da Secretaria de Esportes e Lazer (Sesport), Laís Gasparini, Lincoln Cunha e Tyara Ramos disputam, neste sábado (19), o Campeonato Interestadual de Natação, em Recife, Pernambuco. Esta é a primeira competição dos atletas desde o início da pandemia do novo Coronavírus (Covid-19).

Todas as provas do torneio, organizado pela Federação Aquática Pernambucana (FAP), serão realizadas no Parque Aquático Santos Dumont, no município de Boa Viagem. Ao todo, competem 185 atletas de estados como Alagoas, Bahia, Espírito Santo, Goiás, Paraíba, Pernambuco, Paraná, Rio de Janeiro, Rio Grande do Norte e São Paulo.

Após um longo período de pausa e treinando apenas em casa para não perder o condicionamento, Laís Gasparini, contemplada na categoria internacional, comparou seus treinos caseiros com os atuais e afirmou que a competição servirá para avaliar a si própria.

“Desde o começo da pandemia, estava treinando na piscina de casa, que tem apenas cinco metros, então voltar a treinar na piscina adequada faz muita diferença. Como eu voltei aos treinos presenciais há pouco tempo, estou indo para a competição, principalmente, para ver como eu estou e como está meu desempenho”, afirmou a atleta.

Assim como Laís, Lincoln Cunha, contemplado na categoria estudantil, quer utilizar o torneio para observar seus tempos e melhorar seu índice técnico. O atleta, que sonha com uma vaga nos Jogos Olímpicos de Tóquio 2021, confirmou que vai utilizar as seletivas das competições nacionais na busca por essa vaga.

“Acima de tudo, este torneio vai servir como um teste. Espero muito diminuir meu tempo, pois isso irá me favorecer na participação de campeonatos como o Troféu Maria Lenk ou o Troféu Brasil”, explicou.

Bolsa Atleta

Contemplada na categoria nacional, Tyara Ramos também vive a expectativa de voltar a competir em alto nível. A atleta, que no início da pandemia estava realizando seus treinos em mar aberto, retornou para a piscina há quase dois meses. Ela reforçou a importância do benefício financeiro, sobretudo no período de pausa nas competições.

“Eu aproveitei este período que não está tendo competição para repor meus materiais. O Bolsa Atleta também me ajudou com o pagamento da academia e do meu técnico. Como o nosso calendário está tudo muito incerto, por enquanto só temos essa competição marcada, espero melhorar meu índice, pois almejo participar do Campeonato Brasileiro”, declarou Tyara.

O programa Bolsa Atleta beneficia, neste ano, 121 atletas e paratletas de alto rendimento. Os valores do auxílio mensal variam de acordo com a categoria do atleta dentro do edital, sendo R$ 500 (estudantil), R$ 1.500 (nacional), R$ 2 mil (internacional) e R$ 4 mil (olímpico).


Fonte: Governo do Estado

Comentários Facebook


Facebook


Newsletter


Inscreva-se no boletim informativo da Folha do ES para obter suas atualizações e novidades semanais diretamente em seu e-mail.

© 2020 Folha do ES. Todos os direitos reservados.