Bruno Cícero - 04/07/2017 08h44 - Atualizado em 04/07/2017 08h55
Capixaba está entre os mortos de acidente com avião monomotor em RR, diz polícia
A aeronave monomotor caiu na manhã desta segunda-feira (3) em um área de mata no interior de Roraima logo após decolar
Uma das vítimas da queda do avião da Paramazônica Táxi Aéreo, fretado pelo Exército, é o capixaba Olavo Perim Galvão, que trabalhava para o Ibama do Espírito Santo. A informação foi divulgada pela Companhia Independente de Policiamento Ambiental (CIPA), da Polícia Militar de Roraima. Olavo morava em Vitória.
 
A aeronave monomotor caiu na manhã desta segunda-feira (3) em um área de mata no interior de Roraima logo após decolar. Cinco pessoas estavam a bordo e quatro morreram. O sobrevivente teve 50% do corpo queimado e está entubado em estado grave no Hospital Geral de Roraima, segundo a Secretaria Estadual de Saúde de Roraima (Sesau).
 
As vítimas morreram carbonizadas segundo boletim de ocorrência registrado na Polícia Militar de Roraima. Todos seguiriam para a Terra Indígena Yanomami, em Roraima. Ibama e Exército realizam na região a operação Curare, de combate a garimpos ilegais.
 
O Ibama, em Brasília, lamentou o acidente através de uma nota em sua página oficial. “Extremamente consternado, o Ibama enaltece a dedicação desses jovens, que dedicaram suas vidas à defesa da Amazônia, e se solidariza com os parentes na imensa dor causada por essa tragédia”, diz o diretor de Proteção Ambiental do Instituto, Luciano Evaristo, na nota.
 


G1-ES
Comentários: