Folha do ES
Ter, 20 de Nov
Black Friday Shopping Sul

Home   Editorial     Opinião


FOLHA DO ES defende subsídio à Flecha Branca

FOLHA DO ES defende subsídio à Flecha Branca

  Por Editorial

  09.novembro.2018 às 08:20Atualizado em 11.novembro.2018 às 14:42

Desde quando surgiu a pauta, o Portal FOLHA DO ES defende o subsídio de R$ 0,15 ao transporte coletivo urbano da cidade de Cachoeiro de Itapemirim-ES.

Respeitando o debate e a audiência pública que se dará na segunda-feira, 12, na Câmara Municipal, o editorial deste veículo apoia a iniciativa do Executivo com completo desprendimento sobre o tema.

Defende o subsídio porque é, justamente, a diferença recusada pelo Executivo no início do ano por ocasião do reajuste, baseado em estudos técnicos exigidos em lei;

Defende o subsídio porque essa diferença a ser resposta é a exata medida para não desassistir cerca de 600 famílias que merecem dignidade e respeito pelo poder público cedente;

Defende o subsídio porque a empresa vem sofrendo perdas no decorrer dos anos por conta de viés político de gestões que optaram por medidas populistas com medo de consequências impopulares;

Defende o subsídio porque é um instituto legal e praticado na maioria das cidades brasileiras, proporcionado aplicação de tarifas sociais em escalas mais adequadas, mesmo inexistindo mobilidade urbana projetada no Município;

Defende o subsídio porque não se trata de má gestão dos diretores da concessionária, considerando a crise econômica em todo País e no setor que já inviabilizou várias empresas, provocando caos urbano ainda em sangria desatada;

Defende o subsídio porque a empresa não pode ser responsabilizada pelo deveres alheios à sua atribuições como horários, abrigos públicos e a própria confecção da planilha de custo de autoria sempre de instituições especializadas em consonância com autorização da Agersa;

Defende o subsídio porque vai sanar um mal maior de consequências imprevisíveis quando a empresa nada menos é do que a segunda maior empregadora do Município, atrás somente da Cooperativa Unimed Sul com cerca 800 empregos diretos.

Defende o subsídio porque a "demonização" da empresa é resultado de muitas campanhas políticas com bandeiras anômalas a pretexto de defender o interesse da população incauta, até hoje se configurando numa falácia;

Defende o subsídio porque tem sua sede fiscal em Cachoeiro de Itapemirim-ES, enquanto outra concessionária de água e esgoto, a exemplo, tem todo controle financeiro com sede em São Paulo, cujos proprietários nem são alcançados em caso de protestos se existirem dentro do mesmo contexto com agravante da aparência de uma caixa preta.

Defende o subsídio porque a Flecha Branca é uma empresa idônea que nunca se envolveu em escândalo desde de sua fundação nos anos 70, passando por centenas de quebras molas de opressões e politicagens;

Por fim, o bom debate, a favor ou contra, é salutar para a inclusão da sociedade em buscar mais conhecimento da funcionalidade do sistema para fazer justo juízo de valor em vez de antagonismo superficial.

Por fim, em tempo, o Portal FOLHA DO ES, sempre se posiciona sobre quaisquer temas, mesmo os mais polêmicos, ficando ao julgamento do leitor a sua própria opinião.

Deixa evidente ainda que não tem contrato com nenhuma concessionária do Município e não recebe publicidade do Executivo, embora não mudaria o teor do editorial ainda que tivesse relação comercial com as partes em tela. Antes, tais protagonistas, praticam até discriminação ao jornalismo independente praticado há 25 anos pela FOLHA que paga alto preço por conta das suas análises e opiniões sem cabresto.


Fonte: folhadoes.com

Comentários Facebook


Facebook


Newsletter


Inscreva-se no boletim informativo da Folha do ES para obter suas atualizações e novidades semanais diretamente em seu e-mail.

© 2018 Folha do ES. Todos os direitos reservados.