Folha do ES
Seg, 16 de Set

Home   Política     Brasil


Floderlis vai depender do STF para ser presa

Floderlis vai depender do STF para ser presa

Seu envolvimento na morte do marido está cada vez mais evidente, a começar por envenenamento

  Por Redação

  28.julho.2019 às 05:43

Flordelis está cada vez mais envolvida na morte de seu marido e a situação dela fica sempre mais complicada com o surgimento de novas provas

O caso envolvendo a morte do pastor evangélico Anderson do Carmo, até então marido da deputada federal Flordelis, acaba de ganhar novos capítulos e rumos nesta semana e uma reviravolta está prestes a acontecer.

Segundo informações do site Pleno News, o advogado que defende o assassinado, Ângelo Maximo, deve procurar a polícia nos próximos dias para pedir uma investigação específica sobre a possibilidade de morte por envenenamento após ter recebido denúncias.

Segundo os detalhes mencionados pelo advogado do caso que envolve a deputada federal Flordelis, o pastor evangélico Anderson do Carmo estaria relatando fortes de dores antes de morrer e a família desconfia de que ele tenha sido envenenado durante esse período.

Vale dizer que logo após o assassinato ter sido descoberto, um dos filhos da deputada federal Flordelis revelou que viu a política, ao de outras irmãs, colocando remédio na comida de Anderson do Carmo. Dessa forma, foi levantada a suspeita de Flordelis teria participação direta no assassinato do seu marido e não só isso, estaria tentando matá-lo por envenenamento há tempos.

“Vamos pedir que a delegada Bárbara Lomba investigue o que o filho do pastor e a mãe disseram. Houve uma tentativa de homicídio não consumada por vontade alheia aos seus algozes”, disse o advogado Ângelo Máximo, responsável por defender a família do ex-marido de Flordelis, que está disposto a fazer de tudo para conseguir desvendar o mistério em torno da morte do pastor.

Além das acusações da filha de Flordelis, a mãe do pastor evangélico teria confirmado as suspeitas sobre o envenenamento. Após as acusações, a deputada federal, em depoimento para a polícia durante interrogatório, deu a sua versão dos fatos e afirmou que os remédios que seu ex-marido tomava eram para controlar supostamente uma ansiedade de Anderson do Carmo.

Pastor Anderson teria traído a esposa Flordelis

Flordelis falou recentemente sobre o envolvimento dos filhos no assassinato do pastor Anderson (Reprodução)

Flordelis está cada vez mais envolvida nesse processo e resolveu recentemente, através das suas redes sociais, sair em defesa dos filhos, que assumiram o crime. “Tem gente que estranha eu não acreditar que dois filhos meus são os autores, porque eles confessaram. Eu não quero acreditar e o meu coração de mãe me dá direito à esperança. As confissões não são suficientes para condenar”, disse a deputada.

Ainda em sua rede social, Flordelis comentou as declarações da delegada do caso. “As confissões não são suficientes para condenar e quem assistiu a entrevista da delegada ouviu ela também dizer a mesma coisa. Vamos aguardar o fim das investigações e do julgamento. É assim que tem que ser”, disse ela.


Fonte: folhadoes.com

Comentários Facebook


Facebook


Newsletter


Inscreva-se no boletim informativo da Folha do ES para obter suas atualizações e novidades semanais diretamente em seu e-mail.

© 2019 Folha do ES. Todos os direitos reservados.