Folha do ES
Sáb, 28 de Mar

Home   Política     Denúncia


Vereador acusa prefeito Sérgio Meneguelli de fazer parte de crime organizado

Vereador  acusa prefeito Sérgio Meneguelli  de fazer parte de crime organizado

Renan Bragatto acusa prefeito e responder processo criminal por recebimento de propina na era Gratz

  Por Redação

  13.dezembro.2019 às 14:34

Tratado como melhor prefeito do Brasil por quem desconhece a real situação de Colatina/ES, Sérgio Meneguelli foi denunciado pelo vereador Renan Barragatto em um processo que tramita desde 2000 na Comarca da Capital, por ter recebido, segundo o Ministério Público, R$ 5 mil de José Carlos Gratz, ex-presidente da Assembleia Legislativa.

Além do prefeito de Colatina, também são réus no processo José Carlos Gratz, André Luiz Cruz Nogueira, José Alves Neto, Aerton Vieira dos Santos, Jorge Cardoso Bechara e Ângela Bezerra Bechara. Eles são acusados de terem causado prejuízo aos cofres públicos no valor de quase R$ 27 milhões na época.
Consta da denúncia do Ministério Público, que Sérgio Meneguelli se apropriou em maio de 2000 da quantia de R$ 5 mil depositado em sua conta, quantia representada por um cheque assinado por André Luiz Cruz Nogueira e José Aquibaldo Ribeiro, que era Subdiretor Geral da Assembleia Legislativa.
Ao se defender, o prefeito colatinense afirma que não sabia do depósito, mas não explica como o dinheiro foi parar em sua conta e porque não o devolveu. Ele afirma, ainda, que foi inocentado e que o processo já transitou em julgado. A explicação de Sérgio, no entanto, segundo um servidor, “não foi convincente”.

A existência do processo voltou à tona durante um bate-boca entre Sérgio Meneguelli e o vereador Renan Bragatto, ocasião que Meneguelli pediu a abertura da CPI dos Transportes e mencionou o vereador, que não deixou por menos e lembrou que Sérgio faz parte de uma organização criminosa.

Para Amauri José de Souza, esse envolvimento de Sérgio Meneguelli com a maior organização criminosa do Espírito Santo nunca foi bem explicada. “Sempre que o assunto vem à tona ele se diz inocente e que o dinheiro foi colocado em sua conta sem ele saber. Como isso é possível?”, questiona.

“A desculpa do prefeito é sem pé nem cabeça. Como eles descobriram sua conta bancária? Se não sabia, por que usou o recurso na promoção de eventos? Por que então não devolveu os valores depositados? Ele pensa que o colatinense é bobo como os que acreditam em suas fotos e vídeos fakes”, completa Amauri.

Assista o vídeo sobre o bate-boca entre os dois em recente sessão da Câmara Municipal, da qual participou o prefeito Sérgio Meneguelli, que aparentava estar descontrolado:

Fonte: www.colatinanews.com

Comentários Facebook


Facebook


Newsletter


Inscreva-se no boletim informativo da Folha do ES para obter suas atualizações e novidades semanais diretamente em seu e-mail.

© 2020 Folha do ES. Todos os direitos reservados.