Folha do ES
Qui, 1 de Dez

Home   Judiciário     Espírito Santo


ES: acusado de estuprar e matar sobrinha é condenado a 29 anos de prisão

ES: acusado de estuprar e matar sobrinha é condenado a 29 anos de prisão

Thayná Eleutério Feuchard foi encontrada morta em junho de 2020, na localidade de Monte Líbano, em Cachoeiro. O acusado do crime era tio da vítima.

  Por Redação

  01.outubro.2022 às 13:10Atualizado em 01.outubro.2022 às 13:45

Rubinei Onhas de Almeida, de 27 anos, foi condenado a 29 anos, 7 meses, e seis dias de reclusão, pelo estupro e assassinato da própria sobrinha, Thayna Eleutério Feuchard, de 20 anos, em junho de 2020, em Cachoeiro de Itapemirim. A decisão foi divulgada na última quinta-feira (29).

O caso foi a jurí popular. Rubinei não terá direito a recorrer da sentença em liberdade, “considerando se tratar de pena superior a quinze anos, e também por se tratar de crime praticado mediante violência, o que revela uma personalidade incontida”, afirmou o juiz Bernardo Fajardo Lima na sentença.

Foi reconhecido o homicídio qualificado por meio cruel; recurso que impossibilitou a defesa da vítima; e que o crime foi praticado para assegurar a ocultação e a impunidade de outro crime, uma vez que o denunciado matou a vítima para que ela não relatasse à polícia que ele a teria estuprado.

O caso

O corpo de Thayná Eleutério Feuchard foi encontrado em 11 de junho de 2020, sem roupas, boiando às margens do Rio Itapemirim, na localidade de Monte Líbano, interior de Cachoeiro, após ficar desaparecida por dois dias. De acordo com a perícia, ela teria sido estuprada e morta por asfixia.

As investigações conduziram a policia a Rubinei, tio da vítima, que após matá-la, atirou seu corpo no rio. Ele foi preso no dia 15 de julho daquele ano.

O réu ainda foi condenado por estupro e ocultação de cadáver.


Comentários Facebook


Facebook


Newsletter


Inscreva-se no boletim informativo da Folha do ES para obter suas atualizações e novidades semanais diretamente em seu e-mail.

© 2022 Folha do ES. Todos os direitos reservados.